Doidivana

blog da escritora Ivana Arruda Leite

JÁ EM ÁGUAS DE SÃO PEDRO

3 comentários

Gente, o Hotel aqui em Águas de São Pedro é muito legal! Um spa super bacanudo. Mas antes de falar daqui, preciso falar que o papo em Pratânia foi delicioso. Casa lotada mais uma vez. O encontro foi num local chamado Taquara-poca, extensão da Biblioteca, idealizado pelo escritor da cidade, Francisco Marins. Ele fez uma reprodução da Pratânia de anos atrás. Muito legal. Aliás, Francisco Marins, que mora em Botucatu, também esteve presente. Pratânia é a cidade do couro. Uma cidade super pequenininha cheia de lojas de casacos, botas,bolsas. A Bebel aqui ia se esbaldar. A maioria das roupas de motoqueiro são feitas aqui. O Renato deu uma olhada nas lojas e disse que é tudo muito caro. O casaco mais barato que eloe viu era 500 reais. Saudade de Buenos Aires. Veja só, uma cidade tão distante e pequena é a nossa capital do couro. É tanta coisa que a gente não sabe, né?

Vamos às fotos:

todas as construções são “típicas”

muito verde ao redor

a igrejinha tal como era.

Reprodução exata da primeira fábrica de couro.

a Secretária da Cultura e o prefeito.

a biblioteca

a responsável pela biblioteca tão bem cuidada.

os livros de Francisco Marins têm lugar de honra

sala lotada de adolescentes interessantes e interessados.

eu, Francisco Marins e demais autoridades locais

Um cenário muito lindo esperando por mim.

Ganhei um presente que é a coisa mais fofa!

uma moedeira feita pelos artesãos da cidade.

E agora descansar um pouco nesta cama de princesa até às 19h, quando Renato virá me apanhar para irmos pra cidade de São Pedro, a 6km daqui. O carro dele é prata, agora eu sei. E a chapa começa com BET. Dessa vez eu não erro.

Autor: Doidivana

escritora de forno e fogão

3 thoughts on “JÁ EM ÁGUAS DE SÃO PEDRO

  1. querida: EMOCIONANTE!

    que bom que você está gostando e que tudo está correndo lindamente bem.

    beijos pra você.

  2. Que legal, você ter conhecido o Francisco Marins, Ivana. Li toda a série “Segredos de Taquarapoca” quando era criança e mais alguns outros livros cheios de aventuras com bandeirantes. Esse cara é um dos grandes escritores infantis deste país, mas anda completamente esquecido. Será que estes tempos politicamente corretos de agora destruíram a aura aventurosa que os bandeirantes tinham? Pirata pode, bandeirante não pode, é isso? Que pena.

    • Ele tem mais 150 livros publicados. Mora em Botucatu onde tem uma biblioteca (aberta à visitação) com mais de 30 mil volumes. Quando ele fala em livros publicados, chega à casa dos 100 milhões de exemplares! A gente não sabe da missa a metade, como dizia minha avó.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s