Doidivana

blog de Ivana Arruda Leite

O ROMANCE PORTÁTIL DE JAMES WOOD

1 Comentário

São muito lindinhos os livros da coleção Portátil da CosacNaify. Comecei por “Como funciona a ficção“, de James Wood, que recomendo vivamente pra quem é do ramo dos fazedores de romances. O crítico inglês põe abaixo o enrolês teórico e fala da carpintaria de um bom romance sem abrir mão da erudição nem cair em fórmulas prontas para o uso.

Saboreie uns aperitivos:

“Assim se inicia a perigosa tautologia inerente ao projeto literário contemporâneo: para evocar uma linguagem degradada (a linguagem degradada que o personagem usaria), teríamos de nos dispor a apresentar essa linguagem mutilada no texto, e talvez degradar inteiramente nossa própria linguagem”.

“Creio que os romances tendem a falhar não quando os eprsonagens não são vívidos ou profundos o suficiente, e sim quando o romance em questão não nos ensina como n os adaptar a suas convenções, não desperta uma fome específica por seus personagens, por seu grau de realidade.”

One thought on “O ROMANCE PORTÁTIL DE JAMES WOOD

  1. Recordo que só comprei esse livro depois duma conversa com o Marcelo (Carneiro da Cunha na oficina que ele ministrou no Sesc Belenzinho há dois anos) ouvi o nome do autor, tomei nota e em poucos dias… Lá estava eu pra lá e pra cá com o dito cujo debaixo do braço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s